sábado, abril 14, 2007

Prazer? Alguém precisa viajar por aqui!

Rola um psy e eu vou viajando nas ondas sonoras que fazem com que meu corpo fica se mexendo enquanto eu escrevo qualquer bobeira por aqui. Qualquer coisa estranha me faz sentir prazerosamente viva e isso parece ter algum sentido em alguns momentos. Embora eu estou sempre dispersa e motivos são tantos e eu prefiro acreditar e desacreditar em todos, sempre acreditando que eu não tenho a menor capacidade de me agarrar a eles, então só observo.

Observando vejo que continuo fazendo tudo errado mesmo, o Raul disse que o caminho do certo é o errado, talvez eu tenha levado isso demais a sério. Estão percebendo como essa musica me leva a lugares inóspitos e eu começo a usar palavras bonitinhas como que se não fosse eu digitando? Ah claro que não, vocês nem estão me vendo, ainda bem... Porque se realmente estivessem estariam com medo de mim agora. Estou possuída por alguma entidade alienígena que faz com que eu acredite que tudo o que eu estou escrevendo aqui tenha alguma utilidade pública, quando na verdade não tem.

De qualquer forma, vamos ultrapassar os nossos limites... Por que a musica parou? Pronto, mais musica e mais esquizofrenia, porque é pra isso realmente que serve a musica, para te colocar num estado de consciência tão medonho que nem você mesmo sabe onde está. E se você realmente conseguir detectar onde você está nesse momento, não acredite porque é somente o seu ego falando!

Cale a boca ego! - grite!

“Não, eu não posso!” - ego responde.

Então você tapa seus ouvidos e continua deixando a musica te levar para onde ela quer te levar. Mas como tapar os ouvidos e ouvir a musica ao mesmo tempo? Simples, só parar seu monólogo interno. Isso mesmo, querido, o Caos controla. Todo mundo tem medo de parecer sonso, de parecer alienado, da sociedade achar que está te faltando um pino. Mas, não acredite nisso, você é a criatura mais linda que o mundo pôde criar... Ou foi você quem criou o mundo?

Isso também não importa, o que importa é que você está se movendo impulsionado pela musica, é claro, acredite que é pra isso que ela serve e pronto... Não tem que fazer mais nada além de viajar pelo espaço e nem é necessário ter uma carta com uma permissão escrita, você pode fazer isso agora mesmo... Isso... relaxando, relaxando... Sinta o vento, sinta o frio, sinta, sinta e somente sinta. Não pense, pensar é burro! E isso é prazer!

Nenhum comentário: