quinta-feira, julho 23, 2015

DISCORDIANO DE FÉRIAS


O que um discordiano faz nas férias?
Muitos discordianólogos especulam que essas criaturas estariam conspirando contra o supermercado da cidade, mas a verdade só viria de um discordiano autêntico, que neste caso não sou eu. É você!
Sim! Você mesmo...
Você é um discordiano e não sabe. O motivo de não saber é porque você está de férias. Discordianos quando entram na semana do sabbath erisiático (chamado pela POEE de sabbath erisiático) entram em uma câmara na loja mais próxima e fazem uma auto lavagem cerebral para poderem ficar livres do grande peso da sabedoria e do conhecimento. 

Ele (o discordiano) não quer mais participar do controle do sistema. 

Não quer mais ser interrompido em seu sexo porque um telegrama de uma ordem secreta chegou de repente o convocando para votar em quem serão os futuros presidentes do globo. Ele já se cansou de comprar juízes de futebol para promover uma vitória e mover bilhões de dólares no mercado negro. Deu um basta para a deep web.

O discordiano de férias não se lembra de seu passado, nem da ordem, nem dos planos do sistema, nem de nada. A POEE o vigia por três meses (é um contrato) para que haja segurança, pois o discordiano desavisado corre risco de morte. Muitos políticos souberam no que deu.

A maioria dos discordianos em hiato viram conspirólogos, políticos, empresários e principalmente, mas principalmente, se tornam vendedores de cachorro quente ou mendigos de rodoviária.

É permitido que ele volte a se tornar papa, mas é preciso reconhecer seus sinais para tornar ciente de seu próprio jogo. Muitos fazem jogos consigo mesmo. Enviam cartas para si mesmo para daqui 23 meses, vídeos de youtube “aleatórios”, e-mails de “desconhecidos” e principalmente um convite de um amigo discordiano que combinou em dar sinais para ele desvendar. Timóteo Pinto é um exemplo da mídia moderna. A maioria desses discordianos não conseguem se livrar da matrix.

A maior satisfação para um discordiano é se tornar duas vezes discordiano... Isso somente poucos conseguiram em uma mesma vida.

Agora procure na biblioteca municipal no livro de chamada número 610 528 s 2007 na página 48. (siga as pistas besta!!)
>< 
Fale com a Sociedade Discordiana Fnordiana

fnord

Nenhum comentário: